Páginas

Mostrando postagens com marcador Projetos Pedagógicos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Projetos Pedagógicos. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Projeto Escolar: Estudante Representante de Turma

                            

PROJETO REPRESENTANTES DE TURMA 2019

 

Justificativa : Uma escola que se baseia em princípios democráticos possibilita aos seus alunos e educadores a participação nos processos em que estão envolvidos, durante construção de suas ações formativas. Partindo desse pressuposto, a Escola .......................................... iniciará ao trabalho com representantes de turma, conforme previsto na Proposta Pedagógica e no Plano de Ação Democrática estabelecido nos anos anteriores.

Objetivo  Geral : Desenvolver o ímpeto de liderança e de cidadania nos jovens bem como a compreensão da necessidade do exercício de direitos e deveres para a construção, a partir da sala de aula,  de uma sociedade mais justa, solidária e participativa.

Objetivos específicos:

Ø  Possibilitar a formação da consciência política.

Ø  Promover maior interação entre direção e corpo discente. 

Ø  Levar os alunos a perceberem –se como atores centrais do processo educacional, o qual inclui aprendizagem e liderança.

Desenvolvimento

1-    Os professores coordenadores deverão realizar o trabalho de forma democrática, incentivando ao máximo os alunos a escolherem um líder e  um vice-líder com as seguintes características : Educado, compreensivo , responsável, honesto , imparcial, leal, dinâmico, estudioso , assíduo  , comprometido, ético , enfim, alunos que sejam realmente exemplo para os demais.

2-    Antes da eleição caberá ao professor Coordenador apresentar para os alunos ,as atribuições ( Anexo 1). Estas serão trabalhadas após a eleição,  em reuniões com a Equipe de Direção e Supervisão, podendo ser modificadas de acordo com a realidade de cada turma.

3-    Os professores coordenadores deverão encaminhar a ficha ( anexo 2) , à coordenação do turno, até o dia ......./......./20.......

4-     Os líderes escolhidos terão reuniões sempre que houver necessidade, com a direção e coordenação pedagógica, para que sejam trabalhadas efetivamente  a atuação dos mesmos nos projetos da escola, as decisões importantes da direção e corpo docente, os problemas observados pelos professores nos Conselhos de Classe, passíveis de intervenções e   suas principais atribuições.

Disposições Finais: O representante e seu vice atuarão sempre juntos. Em qualquer situação que o representante eleito não puder mais participar, o vice assume automaticamente a liderança e outro vice será eleito pela turma.

 No caso de falta de cumprimento de suas atribuições ou conduta inadequada , os representantes poderão ser destituídos de seus cargos. e os alunos deverão eleger novos colegas para assumirem  a representação da classe.


ANEXO (01) 

   Atribuições do Representante de Classe e Vice Representante de Classe


1. Ser o elo entre a classe, buscando sempre a harmonia do conjunto (aluno/escola) e o bem comum;

2. Ter conhecimento do regimento escolar;

3. Trazer à Coordenação, por escrito, as sugestões ou problemas levantados pela classe.

4. Toda e qualquer sugestão ou reclamação apresentada deverá expressar a vontade da maioria dos alunos da classe.

5. Os problemas pessoais ou assuntos individuais deverão ser tratados individualmente junto à Coordenação.

6. Dar assistência ao professor sempre que solicitado;

7. Participar dos encontros agendados pela Direção e Coordenação Pedagógica trazendo interesses previamente discutidos entre o grupo;

8. Deixar a classe informada sobre os assuntos discutidos em atendimentos com a Coordenação, quando for de interesse comum;

9. Incentivar a disciplina em sala de aula e o respeito pela escola e por todos os seus componentes (alunos, professores, equipe pedagógica, colaboradores e funcionários);

10. Ser assíduo e ter um bom desempenho e participação nas diversas disciplinas escolares, bem como zelar pelo cumprimento das regras da escola;

11. Participar/Contribuir com a escola participando ativamente de eventos, projetos, feiras, festas, Homenagens aos pais e  professores e quaisquer outras representações  solicitadas pela escola ou SRE

12. Havendo atraso do professor, após 10 minutos de espera, cabe ao representante confirmar a ausência junto a Coordenação, onde serão tomadas as providências;

13. Os representantes de sala serão avaliados continuamente pela Coordenação e nos conselhos de classe;

14. Zelar pela organização da sala (carteiras arrumadas, ventilador), zelando pela conservação e limpeza da sala e do pátio;

15. Recolher trabalhos/atividades, quando solicitado;

16. Auxiliar os alunos com necessidades especiais na ausência do Professor de Apoio, bem como observar o respeito com estes;

17. Zelar pela sala de aula, mobiliário, equipamentos e barulho;

18. Ter cuidado com as brincadeiras e respeito aos outros;

19. Situações de conflito devem ser resolvidas de forma amistosa entre as partes somente depois disso, e não havendo “acordo”, procurar a Coordenação;

20. Atuar em conjunto com o Professor coordenador de sala na organização de confraternizações, viagens de estudo, trabalhos de campo, etc

21. Colaborar com os colegas novatos para que se adaptem ao ambiente escolar;

22. Informar aos colegas assuntos tratados em reuniões;

( Fonte: Revista Nova Escola – setembro/2017 – Texto Adaptado)


 Anexo 2

TURMA :

Professor Coordenador:

REPRESENTANTE DA TURMA :

 

Dados  Pessoais :

RG:

CPF:

Telefone :

E-Mail :

VICE- REPRESENTANTE DA TURMA :

 

Dados  Pessoais :

RG:

CPF:

Telefone :

E-Mail :

Observações: Caso os alunos eleitos não possuam RG e CPF , o Professor coordenador deverá incentivá-los a providenciarem os documentos o mais rápido possível


sábado, 18 de setembro de 2021

LÍNGUA INGLESA: Projeto Halloween


Justificativa:

O Halloween permite trabalhar culturas diferentes. É uma data simbólica que oferece um rico universo de lendas, mitos que captam o interesse curiosidades das crianças e adolescentes.

Objetivo:

Desenvolver o senso crítico e capacidade de interpretação e abstração; estimular a criatividade; apresentar cultura diferente; aumentar vocabulário; identificar os símbolos do dia das bruxas; trabalhar linguagem oral e escrita.

Desenvolvimento:

Durante o mês de outubro as atividades relacionadas ao tema serão trabalhados dentro da sala de aula. Os temas serão trabalhados da seguinte forma:


# Simbologia e significado

#Trabalhar vocabulário e personagens

# Dança

# Brincadeiras

# Teatro

# Fantasia

# Maquete

# Confecção de morcegos, abóbora(Jack o’lantern),  chapéu da bruxa, fantasmas, vampiros, monstros.

Culminância:

No dia 31 de outubro, apresentação de números artísticos como desfile de fantasias, danças e DJ (verificar a possibilidade).

CLIQUE AQUI e tenha acesso a dezenas de atividades para as aulas de LÍNGUA INGLESA.

sexta-feira, 10 de setembro de 2021

HISTÓRIA: Projeto "Pré-história" - 6º ANO

Justificativa

A Pré-história sempre foi um tema bastante instigante para nós, pois a questão “Qual é a nossa origem?” nos faz refletir a respeito do surgimento do homem na terra. Para que essa pergunta encontre respostas, é de fundamental importância conhecermos as hipóteses evolucionistas surgidas há um século e meio e que revolucionaram a partir daí todo o conhecimento produzido posteriormente, inclusive o nosso.

Objetivo

  • Conhecer o conceito "Pré-história" e sua diferenciação de "História".
  • Destacar o uso da cronologia e as divisões e marcos históricos utilizados na contagem do tempo (idade, século, antes de Cristo/depois de Cristo) como facilitadores para compreensão do tempo histórico.
  • Compreender a diversidade dos grupos pré-históricos e a insuficiência do conceito de evolução linear perante o processo de convivência e aprendizado entre grupos humanos distintos (de acordo com descobertas arqueológicas).
Desenvolvimento
  • Definir a época histórica denominada de pré-história;
  • Análise crítica do filme Croods; 
  • Refletir sobre como era a vida do ser humano e também nos animais em tal época;
  • Conhecer quais instrumentos/objetos foram criados nessa época e que são até hoje utilizados, apesar de terem sido um pouco modificados.
  • Desenvolver leitura e interpretação de textos e imagens sobre a temática central da aula;
  • Produzir um mural comparativo sobre a pré-história e a atualidade para que os conhecimentos adquiridos sejam sistematizados.
Duração
  • 4 aulas de 50 minutos cada.
Componentes Curriculares:
  • História e Ensino Religioso
Estratégias e recursos
  • Aula interativa e expositiva;
  • Aula colaborativa e cooperativa;
  • Uso da Sala de Vídeo;
  • Livro didático;
  • Cartolinas;
Público alvo
  • Turmas do 6º ano;
Avaliação
  • A avaliação deverá ocorrer em todos os momentos. É importante que o professor perceba ao final das aulas se os alunos aprenderam a importância de ter conhecimentos acerca da pré-história.
Culminância
  • Visita ao “Museu de Ciências Naturais - PUC Minas” em Belo Horizonte, Avenida Dom José Gaspar, 290 - Coração Eucarístico, Complemento: Prédio 40.
Atividades aplicadas:

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Projeto Pedagógico: Aprendizagem em foco

O trabalho com projeto oferece inúmeros benefícios para a comunidade acadêmica. Na escola aumenta a participação dos alunos, reduz a evasão escolar, estimula a capacidade de aprendizagem cooperativa e melhora o desempenho escolar. Pensando em contribuir com as escolas para combater a evasão e motivar os estudantes a estarem participativos, o blog "Atividades Itinerantes" elaborou um projeto pedagógico com esse objetivo.

domingo, 13 de dezembro de 2020

Projeto de Leitura: Passaporte Literário

 Texto do projeto. Façam as adaptações necessárias.

JUSTIFICATIVA

         Considerando as necessidades de leitura presentes em nosso mundo, o desenvolvimento de competências e habilidades referentes à leitura se faz necessário à vida cotidiana. As práticas de produção textual e leitura têm como finalidade a formação de leitores competentes e, consequentemente, a formação de escritores, visto que a possibilidade de produzir textos eficazes tem sua origem na prática de leitura, espaço de construção da intertextualidade e fonte de referências modalizadoras. A leitura, por um lado, nos fornece a matéria-prima para a escrita: o que escrever. Por outro, contribui para a constituição de modelos: como escrever. Quando se pretende formar escritores competentes, é preciso também oferecer condições de os alunos criarem seus próprios textos e de avaliarem o percurso criador. Evidentemente, isso só se torna possível se tiverem constituído um amplo repertório de modelos, que lhes permita recriar, criar, recriar as próprias criações. É importante que nunca se perca de vista que não há como criar do nada: é preciso ter boas referências. Por isso, formar bons escritores depende não só de uma prática continuada de produção de textos, mas de uma prática constante de leitura.

OBJETIVO GERAL

        Desenvolver habilidades e competências de leitura que levem o aluno a ter maior autonomia sobre o mundo letrado que o cerca.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

  • Despertar o prazer da leitura e aguçar o potencial cognitivo e criativo do aluno;
  • Promover o desenvolvimento do vocabulário, favorecendo a estabilização de formas ortográficas;
  • Estimular o desejo de novas leituras;
  • Possibilitar a vivência de emoções, o exercício da fantasia e da imaginação;
  • Possibilitar produções orais, escritas e em outras linguagens;
  • Proporcionar ao indivíduo através da leitura, a oportunidade de alargamento dos horizontes pessoais e culturais, garantindo a sua formação crítica e emancipadora.

METODOLOGIA: PLANO DE AÇÃO
  • Reunião com os professores, para esclarecimentos sobre o projeto e pedido de sugestões;
  • O professor de Língua Portuguesa deverá conversar com os alunos a respeito do projeto (Como vão participar, as etapas, desenvolvimento e culminância);
  • Início do projeto com um piquenique literário;
  • Entrega da apostila “Passaporte literário”;
  • Escolha do livro literário na biblioteca da escola (semanal); (Cronograma feito pela bibliotecária);
  • Preenchimento da ficha literária;
  • Distribuição do “selo premiado” para aluno que preencher com êxito a ficha;
  • Campanha “Amigo livro”. Para arrecadação de novos livros para nossa escola;
  • Culminância em novembro com medalhas, certificados e passeio ao cinema para os alunos destaques no projeto;
  • Festival cultural na culminância do projeto;
  • Toda a turma irá viajar (passeio de campo). O bom desempenho na apostila literária dará o direito ao passaporte da viagem;
ESTRATÉGIAS:
  • Leituras diversas: feitas pelo professor, compartilhada, coletiva, individual ou dirigida;
  • Rodas de conversa;
  • Leitura de diversos gêneros;
  • Empréstimo de livros;
  • Uso de diferentes estratégias de leitura;
  • Observação e manuseio de materiais impressos;
  • Valorização da leitura como fonte de prazer e entretenimento.
PÚBLICO ALVO/CRONOGRAMA:
Alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental (Anos Finais). O projeto será desenvolvido a partir do mês de abril até dezembro de 20____.

AVALIAÇÃO:

     Transcorrerá de forma contínua e sistematizada por meio do conhecimento construído pelo educando e da intervenção pedagógica realizada pelo professor durante o desenvolvimento do projeto.

Elaborado pelo Especialista em educação básica Jonathan Cruz

Professores,
Ao colocar o projeto em prática, imprimi 20 cópias e montei num formato de apostila. Dessa forma, os alunos tinham a missão de ler 20 livros diferentes no decorrer do ano letivo, sendo que a cada livro, os alunos deveriam preencher a ficha para ganhar o selo "leitor" e sucessivamente completar o passaporte literário para no final do ano participar da viagem proposta pela escola. Apliquei o projeto desde o ano de 2017, devido a carência do contato dos alunos com o acervo de livros da escola, o resultado foi muito positivo. Os alunos liam no recreio, intervalos das aulas, enfim, até a indisciplina diminuiu com a prática do projeto de leitura.

MATERIAL:
(SELO)

domingo, 30 de agosto de 2020

Ensino Religioso: PROJETO “MEU INESQUECÍVEL 9º ANO”

Justificativa

Ainda hoje, em pleno século 21, a realidade da educação no Brasil é marcada pela falta de entusiasmo dos estudantes para assistir à aula, para estudar, ter objetivos e encontrar sentido no aprendizado. No entanto, todos sabemos que, sem motivação, o aluno não consegue adquirir um bom método de estudo. A motivação nasce da necessidade de conhecer a realidade e enriquecer os conhecimentos, para “dar o impulso interno à ação”. Quando o aluno está motivado, ele percebe a ligação e o sentido entre o que estuda e seus sonhos, sua autorrealização. Ele consegue dar um significado ao ensino e fazer a ponte entre o que aprende e a sua vida. Porém não se trata de uma tarefa simples e fácil: para desenvolver esse entendimento, o papel do professor é essencial. É ele que, com sua função importante e delicada, cuida não só do conteúdo e das matérias, mas, principalmente, do preparo dos educandos para que entendam e construam essa ponte entre a escola, o conhecimento e a realização dos objetivos. Partindo desses princípios, surgiu a iniciativa de propor aos alunos dos 9ºs anos o referido projeto que visa estimular os discentes, dinamizar as aulas, ofertar intervenção pedagógica, aliar teoria e prática com aulas de campo e colocar os discentes como parte primordial nos trabalhos ofertados durante o ano letivo.

Objetivo Geral

A “motivação” é a chave que conduz o aluno ao sucesso, é a força para resistir o esforço exigido nos estudos e canalizar a atenção em direção ao objetivo.

Desenvolvimento

Þ     Cultura: Exposições culturais na escola (festa junina, diversidade cultura, diversidade religiosa, datas comemorativas, entre outros);

Þ     Filmes: Extraordinário (Respeito, coragem, inclusão, amor ao próximo, etc), A Corrente do Bem (Princípios de bondade e o reflexo social), Desafiando Gigantes (Inspira a equipe a usar a fé para vencer obstáculos), Prova de Fogo (Família).

Þ     Excursões: Parque Guanabara, Brazilian Football Museum (Museu Mineirão), Cinema Sete Lagoas.

Þ     Aula da Saudade: Apresentações e confraternização dos discentes dos 9ºs anos.

Þ     Palestras/Debates: Políticas públicas, valorização da vida, bullying, etc; (Realização em locais diversificados);

Þ     Ações Sociais: Ajudar instituições carentes;

Þ     Dinâmicas de grupo: Pagar prendas (resgatando cultura e respeito a diversidade), gincana do conhecimento, etc. 

  Duração

ü  Abril a dezembro;

Componente Curricular:

ü  Ensino Religioso.

Estratégias e recursos

ü  Aula interativa e expositiva;

ü  Aula colaborativa e cooperativa;

ü  Uso da Sala de Vídeo;

ü  Cartolinas, entre outros; 

Público alvo

ü  Turmas dos 9ºs ano;

Avaliação

A avaliação deverá ocorrer em todos os momentos. É importante que o professor perceba ao final das aulas e das atividades propostas o envolvimento dos discentes quanto ao trabalho em equipe.

Culminância

            Finalizaremos o projeto com a aula da saudade, dia em que todos os momentos registrados serão apresentados.

segunda-feira, 29 de junho de 2020

GINCANA TURMA TOP: Para combater a indisciplina dos alunos

Gestores e professores,
Com o objetivo de combater a indisciplina dos alunos e conscientizá-los da importância dos estudos e escola, criamos essa gincana que pode ser adaptado conforme a realidade da escola que trabalham. Vejam:

JUSTIFICATIVA
Baseando-se em uma educação escolar focada nos pressupostos de que o educando é o protagonista das ações, as quais proporcionam a construção do conhecimento, a Escola Estadual “Conselheiro Afonso Pena”, propõe a realização da I Gincana #TurmaTop, projeto criado pelo professor de Ensino Religioso Jonathan. Acredita-se que a gincana, tendo como tema: CONHECIMENTO COMPARTILHA CONHECIMENTO, ao contemplar o cotidiano do educando, promoverá o conhecimento através de atividades lúdicas e jogos dotando-se das influências exercidas pelas novas tecnologias e seus objetos. Igualmente, tais atividades serão relevantes para que haja troca de experiências e socialização entre alunos, professores e demais colaboradores da escola, promovendo assim um ambiente de respeito, interação, integração e aprendizagem. As atividades propostas nesta ação visam atender aos seguintes objetivos:
OBJETIVO GERAL
Promover o conhecimento e socialização de saberes a partir da revisão dos conteúdos estudados de forma lúdica contemplando a integração da comunidade escolar.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
ü  Promover integração, união, diversão, entretenimento, companheirismo e espírito esportivo entre os participantes;
ü  Oferecer desafios diferentes nos eventos de animação, com variadas provas que envolvem habilidades, criatividade, raciocínio, agilidade, conhecimento, estratégia e baseando nos quatro pilares da educação: a) Aprender a ser; b) Aprender a conhecer; c) Aprender a conviver; d) Aprender a fazer;
ü  Integrar os educandos, professores e equipe pedagógica;
ü  Despertar o espírito de competição sadia;
ü  Avaliar os educandos de forma interdisciplinar.
INTERVENÇÃO JUNTO AOS PROFESSORES E DEMAIS INTEGRANTES DA  COMUNIDADE ESCOLAR:
ü  Ajudar o grupo a repensar sua atitude no dia-a-dia, reconhecendo a importância da escola como um espaço de formação humana;
ü  Participar de ações educativas que visam melhorar o comportamento de todos com relação à diversidade.
ü  Sensibilizá-los para a participação direta da família na escola mantendo uma relação que possibilite a realização de uma educação de qualidade.
PÚBLICO ALVO: Alunos do 6º ao 9º ano do Ensino fundamental II.
DATA DE REALIZAÇÃO: Julho a Novembro de 2019.
PARTICIPAÇÃO: Gestão escolar, corpo docente, discente da escola e comunidade escolar.
RESULTADOS ESPERADOS: A integração dos participantes, o aprendizado com as provas aplicadas e a contribuição junto à sociedade.
REGULAMENTO
1. DISPOSIÇÕES GERAIS
Este documento dispõe sobre os critérios e regulamentação da gincana, a ser realizada em abril a agosto de 2018.
1.1 - Este Regulamento foi elaborado pelo professor de ensino religioso, especialmente instituída pela direção da escola. O mesmo será publicado no mural da escola, entregue uma cópia aos professores coordenadores e líderes de turma para que todos os envolvidos tenham ciência.
1.2 - Todas as pessoas que participarem da GINCANA estarão sujeitas às condições deste Regulamento.
1.3 - Não serão aceitas alegações de desconhecimento deste documento, já que será dada a necessária e suficiente publicidade do mesmo, com o apoio imperioso das equipes.
1.4 - É de responsabilidade do coordenador e líder das turmas a ampla divulgação junto aos integrantes de sua equipe.
1.5 - O regulamento desta gincana deverá ser lido por todos os líderes na presença da equipe coordenadora e posteriormente assinado como forma de afirmação e concordância dos mesmos aos critérios estabelecidos.
1.6 - Ao concordarem com este regulamento as equipes se comprometerão a cumprir todos os critérios deste regulamento, havendo discordância, caberá a equipe coordenadora dar a punição referente ao ato cometido.
1.7 - Os casos omissos neste regulamento serão julgados pela comissão organizadora.
2. DA COORDENAÇÃO DA GINCANA:
2.1 - A equipe coordenadora é composta pelos seguintes colaboradores:
ü  Jussara - Diretora da escola;
ü  Dulce – Vice-diretora;
ü  Aparecida – Especialista em educação básica;
ü  Leila – Bibliotecária;
3. DAS REGRAS E PENALIDADES
3.1 - Só poderão participar da gincana os alunos que estão regularmente Matriculados na escola;
3.2 - A equipe que não estiver presente ao ser chamada, será punida com Perda de 10 pontos;
3.3 - As reivindicações serão aceitas e feitas apenas pelos líderes de equipes e/ou professores coordenadores;
3.4 - Os participantes que irão representar as equipem nas provas deverão estar identificados;
3.5 - A ordem de apresentação das equipes será feita por meio de sorteio e a equipe que dispersar durante as apresentações será penalizada com 50 pontos, após parecer da organização;
3.6 - Não será permitido nenhum tipo de agressão verbal ou física durante o desenvolvimento da gincana. Caso ocorra a equipe será desclassificada da modalidade e perderá os pontos ganhos;
3.7 - Não será permitido veto de arbitragem;
3.8 - As equipes que se negarem a cumprir as determinações dos árbitros serão eliminadas da competição;
3.9 - Será penalizada com a perda de 50 pontos a equipe que causar tumulto no decorrer do evento;
4.0 - Ficará proibido a entrada de pessoas estranhas na escola, exceto para o cumprimento de algumas tarefas;
4.1 Perderão pontos as equipes que:
ü  Não cumprir rigorosamente o regulamento da GINCANA;
ü  Tentarem prejudicar as equipes adversárias de qualquer forma;
ü  Apresentarem-se desorganizadas nos momentos da gincana;
ü  Não respeitarem as boas normas de conduta com os participantes e organização do evento;
ü  Não respeitarem as ordens da Comissão Organizadora;
ü  Não zelarem pela organização e limpeza do ambiente;
ü  Não fizerem silêncio quando for solicitado;
4.2 Serão automaticamente desclassificadas as equipes que:
ü  Possuírem algum integrante que seja visto promovendo baderna, briga e/ou atos de vandalismo;
ü  Desrespeitarem as regras de bom andamento da gincana, causar repetidas solicitações de ordem ou respeito da Comissão Organizadora;
ü  Promover ou provocar tumultos internos ou externos;
ü  Recusar-se, sob pretexto e sem justificativa, a continuar na gincana;
ü  Apresentar protestos descabíveis;
ü  Apresentar-se no decorrer da gincana utilizando nome de outro aluno;
5. DA COORDENAÇÃO DAS EQUIPES
A coordenação das equipes será composta pelos professores coordenadores lotados na escola;
5.1 - Das atribuições dos coordenadores das equipes:
Os coordenadores das equipes deverão:
ü  Orientar, acompanhar, auxiliar e coordenar os alunos na execução de tarefas prévias e relâmpago;
ü  Manter a disciplina e ordem na sua equipe e dos seus membros para com os outros;
ü  Fiscalizar o local de concentração de suas equipes;
ü  Manter o respeito e o espírito competitivo;
ü  Estimular os seus alunos para a participação nas atividades e tarefas propostas.
6. DAS PROVAS/TAREFAS:
6.1 - As provas serão elaboradas pela equipe coordenadora desta gincana, objetivando:
ü  A revisão/aprendizado dos conteúdos abordados em todas as disciplinas/séries/níveis de ensino;
ü  A integração da comunidade escolar;
ü  A inter/trans/multidisciplinaridade.
6.2 - As provas serão cumpridas exclusivamente na área da escola/quadra, salvo às de caráter social na comunidade.
6.3 - As provas antecipadas poderão ser entregues às equipes participantes até 24 horas antes da hora prevista para apresentação das mesmas.
6.4 – As provas relâmpago serão entregues à qualquer momento durante o período de realização da gincana e deverão ser realizadas/cumpridas no tempo estimado.
6.5 - No intuito de contemplar a participação de todos os alunos, deverão ser respeitados o número mínimo de participantes por provas, sendo punida com 50 pontos a equipe que não atender ao que se propõe neste item.
 7. FORMAÇÃO DAS EQUIPES:
7.1 - A gincana será formada por três equipes, com 02 representantes, sendo 01(um) líder e 01 (um) coordenador para cada turma participante;
7.2 - A formação das equipes: EQUIPE BRANCA – 6º I, 7ºI, 8ºI, 9º I; EQUIPE LARANJA – 6º II, 7º II, 8º II, 9º II; EQUIPE VERDE – 6º III, 7º III, 8º III, 9º III.
7.3 - A equipe deverá estar caracterizada/identificada na gincana com a cor sorteada e uniformizada;
7.4 - Toda equipe será responsável pela ordem e organização dos seus componentes no espaço utilizado para a realização e cumprimento das tarefas;
7.5 - Itens eletrônicos de som de nenhum tipo serão permitidos, somente os fornecidos pela escola;
7.6 - As equipes deverão criar um grito de guerra único, que apresentarão nas mais diversas etapas da gincana;
8. ATRIBUIÇÕES DOS LÍDERES DE EQUIPE:
8.1 Participar das reuniões com a Comissão Organizadora, se solicitado ;
8.2 Responsabilizar-se pela equipe e seus membros, em todos os momentos da gincana;
8.3 Ser o único contato com a Comissão Organizadora em caso de dúvidas ou algum problema;
8.4 Estar sempre presente na realização das provas;
8.5 Todas as equipes deverão se organizar para: a) festejar ou ficar em silêncio c) cumprir os horários.
9. DA PONTUAÇÃO:
9.1 - Ganharão pontos as equipes que:
ü  Cumprirem todas as provas conforme determinações das mesmas;
ü  Após o término da apuração de cada prova, serão divulgadas as pontuações obtidas por cada equipe
ü  A divulgação dos vencedores e das pontuações será feita no dia _______/______ 2019;
ü  Caso houver alguma divergência em relação à pontuação de alguma prova ou algum problema em relação à outra equipe, a equipe reclamante deverá encaminhar um recurso por escrito no mesmo momento à Comissão Organizadora, para análise e resolução;
10. RESULTADO E PREMIAÇÃO:
10.1 A premiação respeitará os seguintes critérios
[ 1º - Lugar – 5,0 pontos em cada disciplina e um troféu;
[ 2º - Lugar – 3,0 pontos em cada disciplina e um troféu;
[ 3º - Lugar – 2,0 pontos em cada disciplina e um troféu;
10.2 A pontuação será registrada nos “ASPECTOS QUALITATIVOS” dos componentes curriculares, sendo computada no terceiro bimestre.
10.3 Só fará jus à premiação aquele aluno que participar direta e indiretamente de todas as atividades, e tenha a assiduidade e participação comprovada pelo coordenador e líder da equipe.
Por estar ciente e de acordo, assino o presente.
Professores: ___________________________________________________________________
Especialista em Educação Básica: __________________________________________________
Vice-diretora: ___________________________________________________________________
Diretora: _______________________________________________________________________
PLANEJAMENTO GINCANA
Entrega das tarefas prévias.
1ª TAREFA:
Metodologia – Explicar os critérios aos representantes de cada equipe, apresentando um modelo da imagem que deverá servir de base para a confecção da mensagem. Observar periodicamente o número de curtidas/compartilhamentos de cada equipe.
[ Nesta tarefa cada equipe deverá desenvolver uma mensagem para ser publicada na página do Facebook da Escola, respeitando os critérios à seguir:
ü  A mensagem deve conter uma reflexão à cerca do tema: “IMPORTANCIA DA GINCANA ESCOLA EM MOVIMENTO”, não devendo ultrapassar o limite máximo de 03 (três linhas);
ü  A imagem a ser postada terá: o slogan da escola, nome da equipe (ao centro) e mensagem reflexiva com até três linhas.
ü  A imagem deverá ser entregue por um dos líderes de cada equipe até às 08:00 horas da manhã do dia ___/_____/2019 ao supervisor da escola.
A pontuação da referida tarefa será da seguinte forma:
ü  Para cada curtida na imagem original (postada na página da escola) a equipe ganhará 1 ponto.
Data da averiguação/finalização da tarefa - ________ 2019 às 14:00hs. (Nesse horário será feito um print e publicado no espaço “comentários” de cada imagem. Somente o print da comissão organizadora será válido).
2ª TAREFA – PARÓDIA (0 à 10 PONTOS)
A equipe deverá elaborar uma paródia abordando o tema: BULLYING/CYBERBULLYING.
Serão observados os seguintes critérios: Originalidade, Criatividade, Coerência com o tema, Não será permitido vocabulário chulo (palavrões);
3ª TAREFA – RECICLAGEM (1 PONTO CADA ITEM)
Para a realização desta tarefa, as equipes deverão apresentar brinquedos e/ou jogos pedagógicos feitos com material reciclável. Ambos deverão ser doados para as crianças (alunos) do turno vespertino.
4ª TAREFA – GRITO DE GUERRA (0 à 20 PONTOS).
Conforme estabelecido no regulamento desta gincana, as equipes deverão apresentar um grito de guerra alusivo ao nome da gincana e a cor da equipe, onde serão avaliados a originalidade, criatividade, animação e envolvimento de cada equipe em sua apresentação.
Especificamente nesta tarefa
CRITÉRIOS: Animação; Criatividade; Originalidade; Respeito ao nome da gincana; Tempo limite para apresentação 5 minutos.
5ª TAREFA – SOLETRANDO (10 PONTOS POR ACERTO)
É importante para o conhecimento correto da grafia das palavras, pois, estimula o aluno à leitura e uma correta pronúncia das palavras do nosso vocabulário.
DESENVOLVIMENTO: Para a realização desta tarefa, as equipes deverão apresentar o mínimo de
10 alunos. As palavras serão escolhidas aleatoriamente pela equipe coordenadora e ao sinal o aluno representante de cada equipe deverá se dirigir para pronunciar corretamente a palavra escolhida.
CRITÉRIOS: Resposta correta; Envolvimento dos componentes; Respeito ao adversário e equipe coordenadora.
6ª TAREFA – MONTAGEM DO TANGRAN (0 À 10 PONTOS)
Serão entregues a cada equipe uma imagem impressa com desenho e o um envelope com tangram. Cada equipe deverá visualizar a imagem e montar. Aquela que conseguir fazer a montagem em tempo hábil será o vencedor desta tarefa.
7ª TAREFA – TAPETE ALFABÉTICO (0 à 10 PONTOS)
Cada equipe escolherá um componente para a realização dessa prova, fará um sorteio para ver qual a equipe será sorteada primeiro . O componente escolhido pela equipe deverá em tempo determinado pela coordenação colocar o tapete alfabético em ordem alfabética. A equipe vencedora será aquela que realizar a prova no menor tempo.
8ª TAREFA – MONTAGEM DO QUEBRA-CABEÇA (0 À 10 PONTOS)
Cada equipe escolherá um componente para a realização dessa prova , no sinal dado pela coordenação o componente da equipe deverá montar as figuras em ordem e explicar as imagens. A equipe que realizar a prova em menor tempo e explicar as imagens ganhará a prova. A imagem será relacionada a disciplina de ARTE.
9ª TAREFA – UNIFORME (1º lugar: 20 pontos / 2º lugar: 10 pontos / 3º lugar: 5 pontos)
            Será contabilizado a quantidade de alunos com o novo uniforme da escola.
TAREFAS DIÁRIAS
DATA
TAREFA ARTÍSTICA
OBSERVAÇÕES







Jonathan da Cruz Roberto
Ensino Religioso

Paraopeba, 21 de Junho de 2019.
            ANEXO
AÇÕES PARA GINCANA TURMA TOP
Qual o objetivo da G.E.M?
ü  Promover integração, união, diversão, entretenimento, companheirismo e espírito esportivo entre os participantes da GINCANA;
ü  Oferecer desafios diferentes nos eventos de animação, com variadas provas que envolvem habilidades, criatividade, raciocínio, agilidade, conhecimento, estratégia e baseando nos quatro pilares da educação: a) Aprender a ser; b) Aprender a conhecer; c) Aprender a conviver; d) Aprender a fazer;
ü  Integrar os educandos, professores e equipe pedagógica;
ü  Despertar o espírito de competição sadia;
ü  Avaliar os educandos de forma interdisciplinar.
Vamos agora para as tarefas que deverão ser realizadas:
1.    Sala organizada em filas conforme mapeamento S.O.P* (Exceto em trabalhos de grupo) = 1 PONTO semanalmente;
2.    Conservação da sala de aula limpa S.O.P* = 1 ponto semanalmente;
3.    Conservação dos murais das salas de aulas S.O.P* = 1 ponto semanalmente;
4.    Carteiras conservadas limpas S.O.P* = 2 pontos;
5.    Grito de guerra = 2 Pontos
6.    Uniformizados todos os dias = 1 ponto
7.    Livros didáticos encapados = Equipe com maior quantidade 3 pontos, Segunda equipe com maior quantidade 2 pontos, Terceira equipe com maior quantidade 1 ponto; Fiquem atentos que a data será divulgada;
8.    Equipe com quantidade maior de alunos que conquistarem acima de 20 pontos em todos os componentes curriculares no 1º bimestre = 10 pontos;
9.     A cada aluno que frequentar as aulas de Educação física com roupa adequada receberá 1 ponto para a equipe. A folha de controle estará com a professora que fará as devidas orientações;
10.  A cada aluno fora de sala nas trocas de professores a equipe perderá 5 pontos. S.O.P*;
11.  No final do bimestre a cada média perdida o aluno fará a equipe perder 2 pontos;
12.  Cada sala deverá ter 2 líderes de turma = 1 ponto;
13.  Participação “exemplar” no momento cívico = 2 pontos;
14.  A cada livro, caderno ou material solicitado pelo professor esquecido pelo aluno a equipe perderá 1 ponto. O professor passará relação ao pedagogo com nomes desses alunos e material esquecido;
15.   A turma que tiver menos ocorrências registradas ganhará 10 Pontos S.O.P*.
16.  A cada pai ou responsável presente nas reuniões promovidas pela escola a equipe receberá pontos de acordo com a quantidade. 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
17.  Tarefa reciclável em dias marcados pela gestão escolar. 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
18.  Torneio de Fatos (multiplicação e divisão) em dias marcados pela gestão. 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
19.  Soletrando em dias marcados pela gestão. 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
20.  Torta na cara em dias agendado pela gestão. 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
21.  Momento de oração em dias marcados pela gestão. Cumprimento da tarefa conquistará 2 pontos para a equipe.
22.  Ação solidária em dias agendados pela gestão. Cumprimento da tarefa conquistará 3 pontos para a equipe.
23.  Ação de valores humanos em dias agendados pela gestão. Cumprimento da tarefa conquistará 3 pontos para a equipe.
24.  Ação de cidadania em dias agendados pela gestão. Cumprimento da tarefa conquistará 3 pontos para a equipe.
25.  Concursos promovidos pela escola (cartazes, frases, desenho, dança, redação, poesia, paródia, teatro, etc); 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
Campeonato Inter classe; 1º lugar 10 Pontos/ 2º Lugar 5 Pontos/ 3º Lugar 2 Pontos.
S.O.P = Serão observados periodicamente; - As tarefas executadas no recreio não vale pedir ajuda.